Inconfidência

Por que a higienização correta de ambientes empresariais é tão importante

Os ambientes empresariais precisam ir além da limpeza básica. É necessário realizar uma higienização correta, levando em conta o tipo de atividade exercida e as demandas específicas do local.

Riscos da higienização incorreta no ambiente de trabalho

Abaixo, trazemos três questões comuns que acontecem nas empresas por causa da falta de atenção à higienização. Acompanhe a lista para verificar se seu negócio está em perigo.

1. Higienização evita doenças no trabalho

Um ambiente sujo eleva o risco de doenças respiratórias. O mofo nas instalações de ar-condicionado e a poeira nas prateleiras, por exemplo, carregam diversos organismos nocivos, como vírus, bactérias e ácaros.

Além de comprometer o bem-estar da equipe, essa situação pode causar prejuízo à empresa. Afinal, um colaborador afastado por problemas de saúde significa uma pessoa a menos produzindo, mas o salário continua a ser pago.

O INSS registrou um aumento de 165% nos casos de afastamento por doenças respiratórias em 2020, em função da Covid-19. Porém, mesmo antes da pandemia, os números eram expressivos.  Em 2019, 19.344 trabalhadores solicitaram auxílio-doença por causa de quadros respiratórios. Em 2018, foram 21.660. Melhor não engordar as estatísticas, né?

2. Sujidades podem causar infestação de pragas

Outro transtorno decorrente da má higienização são as pragas urbanas. É que baratas, formigas e até pulgas podem se alimentar de fragmentos espalhados pelo local.

Não bastasse o aspecto nojento dessas criaturas, muitas delas carregam microrganismos nas patas. Ou seja: elas também se tornam vetores de doenças.

O risco sanitário é ainda mais grave em empresas do ramo alimentício. Nesses lugares, uma infestação de insetos pode levar à contaminação dos insumos, inutilizando a produção. E ainda tem as consequências legais. Os órgãos fiscalizadores aplicam multas e podem, inclusive, interditar o estabelecimento.

3. Limpeza malfeita danifica equipamentos

Agora, mesmo quando você se preocupa com a higienização do ambiente de trabalho, deve delegar o serviço a profissionais. Isso porque o uso inadequado de equipamentos e produtos de limpeza pode causar avarias ao patrimônio material.

Para ilustrar, você sabia que o aspirador de pó tem bocais diferentes, cada uma para um tipo de piso? Se a pessoa que faz a limpeza utilizar a peça errada, o resultado será um chão todo arranhado.

E o que dizer dos desinfetantes? O álcool é uma opção bastante comum para a faxina diária, mas pode ressecar móveis de acrílico ou borracha. Além disso, danifica componentes eletrônicos.

Portanto, a equipe responsável pela limpeza corporativa deve conhecer as boas práticas do setor. Elas incluem o manejo correto dos equipamentos, a escolha de substâncias adequadas às superfícies e o uso de itens de proteção individual.

Acerte com a terceirização da higienização de ambientes

Para não ter erro, a melhor estratégia é terceirizar o serviço de limpeza. Dessa forma você tem acesso a profissionais altamente capacitados.

A equipe já chega ao local treinada, sabendo exatamente o que fazer para garantir o bem-estar do público e a conservação dos bens materiais. E o melhor: como não há encargos trabalhistas, o custo para sua empresa é reduzido.

Entre em contato com a Inconfidência e saiba mais sobre nossos serviços de higienização corporativa. Nós podemos ajudar você a atingir os melhores resultados nos negócios.

Assine nosso blog!

Assine nosso blog!