Como higienizar frutas e verduras no seu estabelecimento

Como higienizar frutas e verduras no seu estabelecimento

Imagine o caminho que os vegetais fazem da horta até a mesa. Tanto no transporte quanto no armazenamento, esses produtos são manipulados por diversos profissionais, de forma que acabam acumulando microrganismos. Por isso, você deve aprender como higienizar frutas, legumes e verduras corretamente.

Essa prática é indispensável no dia a dia de uma empresa do setor alimentício. Estamos falando principalmente de restaurantes, bares e lancherias que sirvam alimentos in natura. Com a higienização adequada, evita-se a contaminação por vírus, bactérias e fungos. Veja o que fazer.

Passo a passo: higienização de frutas, verduras e legumes

O primeiro cuidado que a pessoa responsável pela tarefa deve adotar é lavar as mãos com água e sabão. Isso porque os micróbios se alojam não apenas nos vegetais, mas também nas nossas palmas e embaixo das nossas unhas ao longo do dia.

Em seguida, os produtos devem ser lavados em água tratada e corrente. Esse processo é para remover sujidades mais aparentes, como restos de terra, poeira e até insetos.

As folhas das verduras precisam ser lavadas uma a uma. Já para cascas e outras superfícies externas, dá para contar com a ajuda de uma escova com cerdas macias. O utensílio deve ser exclusivo para vegetais!

O próximo passo consiste em deixar os hortifrútis de molho. Use-se uma solução de uma colher de sopa de hipoclorito de sódio para cada litro de água.

Importante: não confunda hipoclorito de sódio com água sanitária. Essa última é um alvejante que pode conter substâncias químicas variadas. Aliás, nunca se deve higienizar vegetais com outros produtos de limpeza, pois esses podem se impregnar nos alimentos e causar intoxicação.

Da mesma forma, esqueça as soluções caseiras como vinagre, bicarbonato de sódio e limão. Elas são insuficientes para eliminar todos os microrganismos.

Após 15 minutos de molho, é possível enxaguar os alimentos, novamente, em água corrente. Então, eles são secos com pano limpo ou centrifugados.

Deve-se armazenar os produtos na geladeira ou em sacos plásticos hermeticamente fechados. Tudo tem que estar bem sequinho, senão a umidade favorece a proliferação de fungos e bactérias.

Última dica: jamais se corta fruta, verdura ou legume com a faca que antes foi utilizada para picar carne. Idem para a tábua de corte. O contato dos utensílios pode acarretar contaminação cruzada, como já explicamos aqui no blog (clique no link para saber os detalhes).

Terceirize para uma higienização de alimentos perfeita

O processo de higienização dos vegetais pode ser demorado e delicado, especialmente quando há uma quantidade grande de alimentos a armazenar. Ainda assim, trata-se de um cuidado indispensável para a segurança dos consumidores.

Precisa de auxílio na tarefa? Que tal investir na terceirização do serviço de limpeza e copa?

Uma equipe profissional conhece as boas práticas do setor. Assim, pode realizar os procedimentos de higienização com qualidade e agilidade, atendendo aos mais altos padrões de exigência. Resultado: você deixa de se preocupar com os protocolos sanitários e pode investir mais energia na administração do negócio.

Saiba detalhes neste artigo sobre o custo/benefício da terceirização! E, precisando de um orçamento, basta entrar em contato com a Inconfidência. Nossos colaboradores estão preparados para atender à sua demanda. Até breve!

Atendimento via WhatsApp
Converse via WhatsApp com nossa equipe para tirar suas dúvidas ou solicitar a visita de um consultor em sua empresa