Inconfidência

Conheça os tipos de detergente e suas finalidades

Existem diversos tipos de detergente para a limpeza de superfícies no ambiente corporativo. Mais que lavar louça, algumas opções são a solução indicada para remover sujidades difíceis, como ferrugem e manchas de óleo.

Porém, é importante conhecer bem as diferenças entre cada uma dessas opções. Isso porque, escolhendo o produto errado, você pode causar danos irreversíveis às peças. Continue conosco para entender os detalhes.

Tipos de detergente e para que servem

Quando falamos em detergente, nos referimos a agentes de limpeza que têm características e funções específicas. A classificação deles depende do potencial hidrogeniônico (pH). É esse índice que determina, ainda, os usos mais indicados para cada substância. Confira:

Detergentes ácidos

São os produtos com pH inferior a 7. Eles servem para remover materiais inorgânicos, especialmente os minerais. Portanto, são utilizados na limpeza de ferrugem e resíduos de cimento.

Como esses químicos são bastante corrosivos, eles não devem ser aplicados em superfícies delicadas. O manuseio também precisa ser conduzido com bastante cuidado, de acordo com as instruções do fabricante.

Em geral, quem administra detergentes com pH ácido deve vestir luvas de borracha e máscara. Afinal, o simples contato com a pele pode causar queimaduras.

Saiba mais: Como melhorar a limpeza de oficinas mecânicas

Detergentes neutros

Esses apresentam pH próximo de 7. São os produtos mais versáteis para a limpeza cotidiana, pois removem a sujeira sem agredir os materiais. É possível usar detergente neutro em peças de cerâmica, vidraças, porcelanatos, pisos de madeira, bancadas de granito e muito mais.

Vale lembrar que há tanto as versões prontas para uso quanto o detergente concentrado. Nesse último caso, deve-se diluir o líquido numa quantidade determinada de água, conforme indicado na embalagem. Além de ser uma alternativa econômica, isso gera menos descarte de embalagens plásticas, o que é ótimo para o meio ambiente.

Detergentes alcalinos

Por fim, temos os detergentes alcalinos, com pH entre 7 e 14. Esses quebram as moléculas de gordura, liquefazendo as partículas sólidas – que, então, vão embora no enxágue.

A principal função desses itens é limpar resquícios de óleo e gorduras. Podem ser empregados em garagens ou estacionamentos, na indústria alimentícia e onde mais for necessário.

Porém, a aplicação também requer cuidados. Esse tipo de detergente pode corroer e riscar as superfícies, de modo que a diluição do produto em água deve ser feita na proporção correta.

Dicas para o uso correto dos detergentes

Agora que você já conhece as principais variedades de detergentes, vale observar alguns cuidados gerais para o manuseio desses e de outros artigos de limpeza. Acompanhe:

– Sempre siga as instruções da embalagem quanto ao modo de diluição e aplicação;

– Ao manusear produtos químicos, use equipamentos de proteção como luvas, botas de borracha e máscara;

– Nunca misture substâncias diferentes, já que elas podem causar reações inesperadas, como explosões e queimaduras na pele. 

– Em caso de náuseas ou irritação da pele por conta do produto, suspenda o uso imediatamente e procure ajuda médica;

– Na limpeza pesada com detergente ácido ou alcalino, evite descartar os resíduos do enxágue pelo ralo. Essas substâncias chegarão até os rios, e podem ser tóxicas à fauna e à flora.

Saiba mais: Gestão de resíduos – adeque-se às normas com a terceirizaçãoPrecisa de uma equipe qualificada para conduzir a higienização de ambientes em sua empresa? Conte com os serviços da Inconfidência. Nossos profissionais são experientes, passam por treinamentos e seguem os mais rigorosos manuais de boas práticas. Entre em contato conosco para saber os detalhes.

Assine nosso blog!

Assine nosso blog!